Prato Verde revisita receitas e lança novos pratos assinados pelo chef Mamadou Sène

Prato Verde revisita receitas e lança novos pratos assinados pelo chef Mamadou Sène

Um dos mais renomados chefs de cozinha em atividade no Estado presta consultoria para o Prato Verde; e as novidades já podem ser conferidas no cardápio

Quem é cliente do Prato Verde já deve ter percebido algumas mudanças sutis no cardápio. É que, recentemente, o restaurante conta com a consultoria do respeitado chef senegalês Mamadou Sène.

Formado em Gastronomia na França, contemplado com uma bolsa de estudos do governo do Senegal, ele trabalhou nas redes de hotéis Meridian e Club Mediterranée, passando por mais de 20 países. Também atuou como chef itinerante da embaixada do Brasil em Dakar, conheceu o embaixador do Brasil no Senegal, João Cabral de Melo Neto, e passou a fazer banquetes na embaixada. Foi por intermédio dele que Mamadou veio para o Brasil, em 1979, aprender a nossa cozinha. Em Porto Alegre desde 1983, hoje ele se dedica à docência – é professor de Gastronomia do Senac desde 1997 – , realiza jantares e dá consultoria para restaurantes.

À frente das panelas do Prato Verde, Mamadou está auxiliando a equipe do restaurante a revisitar as receitas já existentes e dar um sabor diferenciado, utilizando novos temperos, formas de preparo e montagem. “Estou trabalhando muito na questão do sabor, com o uso de ervas aromáticas, que deixam a comida mais apetitosa. Além de usar especiarias, como cardamomo, canela, anis e outras”.

Também serão criadas novas receitas, ampliando a diversidade no buffet. “É sempre bom olhar para o que já fazemos e buscar melhorar sempre, é nisso que acreditamos. Queremos manter a essência da cozinha do Prato Verde, qualificando o que já existe e acrescentando novos aromas”, explica Roberto Flores – sócio do restaurante.

Com receita desenvolvida exclusivamente para o Prato Verde, Bolinho de lentilha é uma das novidades do cardápio.

Entre os pratos novos, estão o Gratin de legumes, a salada de frutas tailandesa, a batata deuphine, o bolinho de lentilha e a salada de couscous – esses dois últimos inéditos, criados por Mamadou exclusivamente para o Prato Verde.

“Quando cheguei no Prato Verde, procurei observar os temperos. Vi curry, cominho, que são temperos muito usados na culinária asiática, que conferem perfume e cor. Então, o primeiro lugar que me levou foi a Ásia. Mas depois, quando fui ver a preparação, percebi um toque de cada lugar. Por exemplo: se você gosta de culinária mediterrânea, você vai encontrar os legumes como abobrinha, berinjela. Se vai falar da culinária brasileira, tem a couve, o feijão. Então, você pode ver vários lugares no Prato Verde. Mas o que primeiro me chamou a atenção foram as especiarias que encontrei. E eu gosto muito de usar! ”, conta Mamadou. “O Prato Verde já tem uma tradição. Eu gosto de comida temperada e com sabor de comida natural”, completa.

Nos próximos meses ainda deverão ser criadas novas receitas. “A culinária vegetariana me instiga muito. Estou gostando muito da experiência, de ver esse outro lado da cozinha, não só das proteínas animais, mas trabalhar com legumes, folhas e etc.”

Ao que parece, a aceitação dos clientes está sendo boa. “Eu vejo as pessoas se servindo três, quatro vezes! É um sinal de que gostam. O que mais agrada um cozinheiro é ver os pratos voltando vazios. Não tem melhor retorno do que esse!”

3 thoughts on “Prato Verde revisita receitas e lança novos pratos assinados pelo chef Mamadou Sène”

  1. Ximena Ruiz TagleSays…
    Replied on

    Adorei a ideia de novos temperos… O que limita frequentar mais o restaurante é o uso de alho cebola e cebolinha,na maioria dos pratos… temperos considerados por muitas filosofias pouco sutil (tamasicos de energia estática)…grupos de yoga… e de diversas filosofias espirituais e orientais não utilizam.. Cito Ananda Marga .Hare khrisna.. Bhrama Kumaris. E outros além de restaurantes chineses(Taiwan etc) vegetarianos de poa também não utilizam. Pois é, séria ótimo que alguns pratos do Prato Verde utilizem as maravilhosas ervas aromáticas em alguns pratos para que estas comunidades possam disfrutar também do seu restaurante.

  2. ElisaSays…
    Replied on

    Parabéns pela iniciativa da consultoria! Achei o máximo a ideia de investir no sabor e em especiarias diferenciadas. É senso comum dizerem que comidas vegetarianas são sem gosto ou sem graça. Eu não concordo com essa ideia e um chef com ele, contribui para desfazer essa impressão da culinária vegetariana e saudável.

  3. Eliana Saint Pastous GodoySays…
    Replied on

    Parabéns Chef Mamadou ! Très bien ! Incentivar o uso de especiarias é agregar também seus benefícios no nosso organismo . Alimentação saudável proporciona mente sã em corpo são! ! Sou fã do seu trabalho !
    Merci
    Eliana Saint Pastous Godoy

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *